vou marcar um golo igual aos seus

«Até então não tínhamos ganho nada em termos de Selecção, tínhamos conquistado algumas coisas, mas não àquele nível, Dois anos depois voltámos a ganhar em Portugal e foi a confirmação de que existiam bons valores na formação do futebol português e que era necessário apoiar esses mesmos jogadores», observou.

O olhar para dentro foi bem sucedido, mas continuam a existir lacunas, como acontece actualmente com a Selecção A. «Se olharmos para a equipa nacional, deparamo-nos com alguns problemas nalgumas posições e pensamos logo em naturalizar mais estrangeiros. E se não temos jogadores à altura dessa responsabilidade, isso também se deve ao facto de taparem os lugares àqueles que podiam atingir esse nível», argumentou Abel Silva, «claramente contra a naturalização», ainda que não o seja quando se tratam «de jogadores como o Deco, que veio para Portugal muito jovem e jogou muitos anos no país».