Hoje com 40 anos, o goleador que tem mais de 500 golos marcados na sua carreira e se distinguiu com as camisolas da Argentina e da Fiorentina, onde jogou muitos anos ao lado de Rui Costa, vestiu a camisola número 1 numa partida de polo na Argentina. Batigol marcou o nono golo da sua equipa, o Loro Piana, onde jogou ao lado de Adolfo Cambiaso, a grande estrela da modalidade.

A 30 segundos do final, com o jogo empatado a 11 golos, houve uma penalidade e o público chamou por «Bati» para que a batesse, mas foi Cambiaso quem se encarregou de resolver. «Nem louco marcava. E se falhasse?», comentou no final Batistuta, citado pelo jornal La Nacion, antes de se despedir com um comentário em «futebolês»: «Hoje joguei para a equipa.»