Ferreyra, reforço do Benfica, estreou-se a marcar com a camisola encarnada no Bonfim frente ao Vitória Setúbal. No final falou aos jornalistas:

«Estou muito contente por ter marcado, o que foi importante também em termos de confiança e para ajudar a equipa. Há que continuar a trabalhar nesta pré-temporada e não esquecer que são jogos particulares. Obviamente que queremos ganhar, mas servem é de preparação e temos de trabalhar nisso.»

«Tenho-me sentido bem. É tudo novo, o Benfica é um grande desafio para mim. Estou muito contente também porque os meus companheiros me receberam da melhor maneira possível. Certamente que tudo será mais fácil para mim se continuar a ser assim.»

«Para além da concorrência, é sempre bom que os avançados marquem por causa da confiança. Marque quem marcar ficamos todos contentes por ajudar o Benfica.»

[Será mais difícil ser melhor marcador em Portugal?] «Será diferente, não sei se mais difícil ou não porque na Ucrânia também era difícil marcar golos. Tratarei de marcar e se não marcar, espero ajudar a equipa com sacrifício e com aquilo que tiver de ser.»