Jorge Simão, treinador do Boavista, em declarações à BTV após a derrota por 4-0 na Luz:

«Vou ser curto e objetivo: vitória justa do Benfica, com números exagerados e merecíamos um golo. Na primeira parte não existimos, na segunda parte estivemos bem.»

«Nunca senti que controlássemos o jogo. Até ao intervalo limitámo-nos a estar no meio-campo defensivo. Não tivemos capacidade para sair e jogar no meio-campo do Benfica. Sofremos dois golos de canto. Melhorámos muito no segundo tempo. Podíamos ter reduzido quando estava ainda 2-1 e isso permitiria a nossa reentrada no jogo. Mas a vitória do Benfica é indiscutível e no final sofremos mais dois golos.»

[sobre o objetivo na Liga]

«O nosso objetivo é dar passos consistentes para o Boavista, a curto prazo, dar um salto em direção à sua dimensão. Queremos num futuro próximo, dois/três anos, lançar um desafio europeu. Parece-me cedo nesta altura.»