Hilário, Ricardo Carvalho e Deco ficaram no banco de suplentes, e tiveram de esperar até ao segundo tempo para festejar golos. Lampard inaugurou o marcador aos 56 minutos, depois um lance algo caricato. Anelka ficou isolado graças a um ressalto feliz, mas o remate bateu depois num defesa, e acabou por bater na barra. O esférico acabou por ir parar, caprichosamente, à zona onde estava Lampard, que inaugurou o marcador.

Nove minutos depois surgiu o segundo golo, com Malouda a concluir uma jogada iniciada por um pontapé de baliza de Petr Cech. Pouco depois o Newcastle introduziu mesmo a bola na baliza, mas o árbitro não viu que Ashley Cole cortou o remate de Owen já depois da linha.

Com este resultado o Chelsea pressiona o Liverpool, que tem os mesmos pontos (64) e joga mais tarde. O Manchester United, que joga no domingo, tem mais um ponto, mas dois jogos a menos.

O Arsenal venceu o Manchester City por 2-0, com «bis» de Adebayor. O regressado Fabregas fez duas assistências. Os «gunners» têm agora 58 pontos.

Boa Morte em destaque

O West Ham, com Luís Boa Morte a titular, venceu o Sunderland por 2-0. O extremo português fez a assistência para o primeiro golo, apontado por Stanislas aos 42 minutos. Tomkins fez o segundo golo, aos 53.

Filipe Teixeira foi suplente utilizado na derrota caseira do WBA, frente ao Stoke City (0-2).

Resultados:

Neste sábado:

Blackburn-Tottenham, 2-1

(McCarthy, 81m; Ooijer, 89m)(Keane, g.p. 30m)

Arsenal-Man City, 2-0

(Adebayor, 8 e 44m)

Bolton-Middlesbrough, 4-1

(Davies, 8m; Cahill, 44m; Taylor, 78m; Gardner, 84m)(Oneil, 38m)

Hull City-Portsmouth, 0-0

Newcastle-Chelsea, 0-2

(Lampard, 56m; Malouda, 65m)

WBA-Stoke City, 0-2

(Fuller, 2m; Beattie, 49m)

West Ham-Sunderland, 2-0

(Stanislas, 42m; Tomkins, 53m)

Fulham-Liverpool, mais tarde

Domingo:

Everton-Wigan

Man Utd-Aston Villa