OM

O holandês Zenden inaugurou o marcador ainda na primeira parte, com um remate de pé esquerdo que bateu Landreau. Depois do nulo com os bracarenses, o PSG estava em maus lençóis no campeonato. Mas reagiu antes do intervalo e Giuly igualou a partida. 1-1 era o resultado ao intervalo na capital francesa.

Só que o minuto 52 provou-se dramático para os parisienses. Camara travou Zenden à entrada da área e recebeu ordem de expulsão. Depois de alguma contestação devido à distância da barreira, o livre foi apontado dois minutos depois, com Koné a emendar a cobrança de Zenden e a devolver a vantagem ao Marselha.

Por fim, a formação orientada por Eric Gerets elevou para 3-1 um minuto depois da hora de jogo. Koné serviu Cana e este bateu Landreau pela terceira vez. O PSG falhava o assalto ao primeiro lugar e, para além disso, viu os marselheses ficarem com os mesmos pontos: ou seja, PSG e OM partilham o segundo posto, um ponto atrás do Lyon.

Eis o onze do PSG:

Landreau; Ceará, Sakho, Camara e Armand; Luyindula, Clement, Makelele e Rothen; Giuly e Hoarau;

Resultados da 28ª jornada

Este domingo:

Grenoble-Saint-Etienne , 1-0

(Akrour, 90m)

Lyon-Auxerre, 0-2

(Jelen, 41m; Kahlemberg, 90m)

PSG-Marselha, 1-3

(Giuly, 43) (Zenden, 24; Koné, 55; Cana, 61)

No sábado:

Caen-Lille, 0-1

(Bastos, 60)

Le Mans-Rennes, 2-2

(Helstad, 2; Gervinho, 18) (Ekoko, 75; Sow, 90)

Mónaco-Toulouse, 3-2

(Nimani, 39; Modesto, 75; Lolo, 90) (Gignac, 26; Cetto, 67)

Nantes-Lorient, 1-0

(Ndaw, 25)

Sochaux-Nancy, 2-1

(Boudebouz, 13; Sverkos, 78) (Hadji, 42)

Valenciennes-Le Havre, 3-2

(Saez, 41; Lacourt, 75; Audel, 90) (Franquart, 24; Anin, 81)

Bordéus-Nice, 2-1

(Chamakh, 18; Henrique, 47) (Bamogo, 24, g.p.)