merengues

Uma reportagem da estação televisiva «Cuatro», divulgada no domingo à noite, mostra que Gutí se recusou a fazer o aquecimento, quando o preparador físico do clube, Jordi Garcia, lhe transmitiu a indicação de Juande Ramos, para entrar em acção nos minutos finais. Um gesto de desprezo com a mão, e a reacção espantada de Michel Salgado, que estava ao lado de Guti no banco, são os sinais mais visíveis da revolta do jogador, que já anteriormente tinha caído em desgraça com Juande Ramos, sendo afastado de várias convocatórias devido à falta de aplicação nos treinos. Aos 32 anos, cada vez com menos espaço de afirmação, é mesmo legítimo pôr em causa o futuro no clube de um dos símbolos do Real Madrid.