«Se, por algum motivo, a associação de equipas de Fórmula 1 [FOTA] discordar do novo sistema, a sua implementação é diferida até 2010», pode ler-se.

A FIA lembra, ainda, que «a 17 de Março rejeitou, por unanimidade, a proposta da FOTA de alteração do sistema de pontos para o Mundial de Pilotos» e que «o novo sistema de pontuação por maior número de vitórias feito pelo detentor dos direitos comerciais da competição [Formula One Management, presidida por Bernie Ecclestone], que teria o apoio das equipas, foi, então, aprovado».