Luís Castro: um homem da casa, mas não só

O percurso do novo treinador do FC Porto

Por Redação       5 de Março às 13:50
Luís Castro: um homem da casa, mas não só
Luís Castro chega ao banco do FC Porto como líder da II Liga. O clube virou-se para dentro e foi buscar um homem da casa, um treinador que está no Dragão há oito anos e tinha assumido esta época a equipa B, mas que já era um treinador com experiência acumulada quando chegou ao clube.

Natural de Vila Real, hoje com 52 anos, Luís Castro foi jogador já depois de uma doença que lhe limitou a infância, e que superou no início da adolescência. Defesa, começou por representar o Vieirense, seguindo-se o U. Leiria, V. Guimarães, O Elvas, Fafe e Águeda.

Não estudou Educação Física, mas sim Física, cuja licenciatura frequentou na Universidade de Coimbra, a par com o início da carreira de treinador. Começou no Águeda, depois esteve no Mealhada, no Estarreja (onde foi campeão da III Divisão) e Sanjoanense, antes de rumar ao Penafiel, no desafio mais visível da sua carreira.

Em 2004/05, na sua primeira época, levou o clube a um notável 11º lugar na Liga. Na segunda temporada, marcada por muitas dificuldades, não evitou a despromoção.

Foi nesse verão que rumou ao FC Porto. No início de setembro de 2006 foi apresentado como novo responsável técnico pela formação e está desde então no clube. Esta época voltou a trabalhar diretamente no relvado, substituindo Rui Gomes no comando da equipa B.

Ao fim de 32 jornadas lidera o campeonato com 60 pontos, mais dois que o segundo classificado, o Moreirense, num percurso que pode recordar aqui.

TAGS:   FC Porto   Luís Castro   Novo Treinador   Percurso  

PUBLICIDADE

Comentários
Maisfutebol de A a Z
Ver todos
X
Y
MAISFUTEBOL COPYRIGHT © 2013 IOL.PT