Carlos Eduardo já reagiu aos cinco golos marcados esta tarde pelo Nice, um feito que corre mundo

«Nunca tinha marcado cinco golos no mesmo jogo, na minha carreira profissional. Nem sei bem se alguma vez isso aconteceu antes de ser profissional. É muito difícil obter cinco golos num só jogo e estava longe de imaginar que isso pudesse acontecer», afirmou.

No Nice, Carlos Eduardo joga «numa posição diferente», o que lhe permite «estar mais perto dos golos, da baliza, mas cinco golos é uma marca espectacular», sublinhou.  

«Foi uma tarde que jamais esquecerei e acho que os adeptos também não se devem esquecer facilmente», declarou Carlos Eduardo, poucos minutos depois de ter rubricado uma imperial exibição.

O médio brasileiro até podia ter feito mais, por incrível que pareça. «Tive outras duas ou três hipóteses de marcar. Numa delas, ainda na primeira parte, rematei mas o guarda-redes deles fez uma grande defesa. E na parte final do encontro fiz um cabeceamento que falhou o alvo por pouco. Mas vou para casa com a barriga cheia de golos. Nem quero acreditar, já tive de me beliscar algumas vezes para confirmar se não estou no meio de um sonho», disse.

Este feito, invulgar, já corre mundo. Carlos Eduardo tem noção desse facto, mas promete que nada disso «vai alterar a minha relação com os meus companheiros e com a equipa». Aliás, acrescenta, os golos não foram só dele. «Eu apenas me destaquei um pouco mais. O que é mais importante que o Nice venceu e que confirmamos o nosso valor num campeonato muito difícil».

<script async="" src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>