O Santos Laguna foi vencer ao terreno do Tigres (2-4), em jogo das meias-finais da Taça do México. A formação orientada por Pedro Caixinha carimbou, assim, o passaporte para a final da prova, onde defrontará o Puebla.

Álvarez colocou o Tigres em vantagem, aos 9 minutos, após passe de Emanuel Villa. Aos 12, o Santos Laguna já perdia por 2-0. Torres cobrou um livre, na direita. O remate foi à trave e bateu em Javier Orozco, que acabou por fazer um autogolo.

Os pupilos de Caixinha não desistiram e foram atrás do resultado. Aos 35 minutos, Djaniny reduziu. O jogador, que passou pelo U. Leiria, Benfica B, Olhanense e Nacional, cabeceou com sucesso, após centro de Quintero, que fez também a assistência para o 2-2 - golo de Rentería, aos 41.

Os visitantes deram a volta ao marcador, aos 60 minutos, através de Alanís, que rematou de antes do meio-campo. O resultado ficou fixado aos 65, com um golo de Orozco.