«Fenómeno» é o título da manchete do jornal «Record». «Nani com participação direta em 54% dos golos do Sporting», aponta o desportivo. «É difícil pará-lo só com um jogador», diz Miguel Veloso.

«Renovação de Gaitán iminente», refere a publicação. «Empresário estará brevemente em Lisboa», acrescenta.

«Nápoles e PSG de olho em Brahimi», destaca ainda o «Record».

«Pressão alta», escreve o jornal «A Bola». «Liderança na Liga e permanência na Europa estão em perigo», lê-se no desportivo, que prossegue: «Entre o teste de amanhã no campeonato (Rio Ave) e o de terça-feira (Mónaco) pode definir-se muito do futuro próximo da águia.»

«Paulo Oliveira volta ao “berço”», destaca ainda a publicação. «Estou num clube grande e ser grande é outra coisa», diz o jogador do Sporting.

«Quintero é cada vez mais dragão» é o título que preenche a primeira página do jornal «O Jogo». «Nova vida do colombiano aproxima o FC Porto da cláusula de compra da metade do passe que falta», aponta o desportivo.

«Riascos abre época de caça ao avançado», informa a publicação, acrescentando: «Colombiano é hipótese para colmatar ausência de Slimani na CAN.»

«Jesus pede um matador», destaca ainda o diário. «Avançado à imagem de Jackson ou Slimani na mira dos encarnados», acrescenta.