CSKA e Manchester City empataram esta terça-feira em Moscovo a dois golosLiga dos Campeões

Num encontro realizado à porta fechada, castigo aos russos por manifestações de racismo por parte dos adeptos, os Citizens chegaram a uma vantagem de dois golos ainda na primeira parte. Kun Agüero, que tinha marcado quatro golos no passado fim de semana, inaugurou o marcador aos 29 minutos. Milner, aos 38, consolidou a diferença no marcador, não se prevendo que os russos ainda conseguissem discutir o resultado no segundo tempo.

No entanto, o CSKA nunca desistiu e chegou mesmo ao empate. Doumbia, entrado ao intervalo, foi decisivo. O avançado marfinense marcou o primeiro os 65 minutos e sofreu o penálti, aos 86, convertido por Natcho, que valeria um ponto.

Vida complicada para a equipa de Manuel Pellegrini, que soma o segundo ponto e vai continuar atrás de Bayern (6) e Roma (4).