«Se ganharmos surge uma mudança, e é isso que queremos. Em caso de vitória do Benfica todas as equipas ficam com as mesmas possibilidades», disse Jesus em conferência de imprensa. 

Gonçalo Guedes na convocatória  

Questionado sobre qual a equipa favorita para o encontro desta quarta-feira, Jesus defendeu que essa análise é subjetiva, mas lá deixou uma resposta mais concreta. «O Benfica não é favorito», afirmou. «Se olharmos para a classificação é o Mónaco que está à frente, mas isso não inibe. Temos capacidade para discutir o jogo e pensar na vitória, sabendo que vamos enfrentar um adversário de muito valor», acrescentou.

Jesus falou ainda de Bernardo Silva, que está no Mónaco emprestado pelo Benfica. «Gosto e respeito muito o Bernardo. Desejo-lhe o melhor», afirmou.

Questionado sobre o peso da ausência de Jonas, que marcou quatro golos em dois jogos pelo Benfica, Jesus lembrou que a estrutura encarnada já sabia que não podia contar com o avançado na Liga dos Campeões quando o contratou.

[artigo original: 22h45]