SIGA O DESP. AVES-FEIRENSE da 30.ª JORNADA DA LIGA, ÀS 16H00 DE SÁBADO, NO MAISFUTEBOL

MOMENTO

Desp. Aves: José Mota estreou-se com uma derrota em Braga, mas os cinco jogos consecutivos seguintes sem perder permitiram um pulo na tabela pela manutenção. No entanto, a equipa voltou a oscilar e vai no pior ciclo de derrotas consecutivas na Liga, quatro, num ciclo difícil: Benfica, V. Guimarães, V. Setúbal e FC Porto, sendo que só jogaram em casa ante os sadinos. Uma série que colocou os avenses apenas com um ponto à maior para a zona de descida, precisamente face ao rival deste sábado.

Feirense: os fogaceiros são a equipa que mais perdem na Liga (19 vezes) e uma das duas em zona de descida. Partem para jogo, sabendo que uma vitória nas Aves permite ultrapassar o adversário e sair dos lugares de despromoção, por troca com a equipa de José Mota. Tal como os avenses, somou a última vitória à 25.ª jornada. Seguiram-se três derrotas e um empate, este ante o Sp. Braga, na última ronda. Foi o único desfecho que diferiu de Feirense para Desp. Aves nas últimas cinco jornadas.

AUSÊNCIAS

Desp. Aves: Sami (lesionado).

Feirense: Barge, Bruno Nascimento, Tiago Gomes (lesionados).

DISCURSO DIRETO

José Mota (Desp. Aves): «Não é decisivo, mas muito importante. A palavra para este jogo é responsabilidade. Jogando em nossa casa temos a responsabilidade de assumir o jogo. Não estou a ver o Feirense a ser uma equipa superdefensiva. É necessário estarmos preparadíssimos.»

Nuno Manta Santos (Feirense): «O jogo com o Desportivo das Aves é também uma final. Temos de acreditar naquilo que fazemos, como tenho vindo a dizer há muito, para trazermos um resultado positivo. A equipa que estiver melhor nos pormenores e errar menos sairá premiada.»

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

Apenas um encontro entre as duas equipas no principal escalão do futebol português. E foi já esta época, em Santa Maria da Feira. Vitória do Desp. Aves (0-1) com um golo de Falcone.

EQUIPAS PROVÁVEIS

Desp. Aves

Outros convocados: não divulgados.

Feirense

Outros convocados: Miskiewicz, Luís Rocha, Kiki, Cris, Luís Aurélio, Valencia, Karamanos, Hugo Seco.