Siga o FC Porto-Tondela EM DIRETO no Maisfutebol

MOMENTO:

FC PORTO: ciclo mais positivo da temporada, liderança da Liga a um ponto e a Juventus a cinco dias de distância. Desafio ao corpo e à mente dos dragões, quiçá com a derrota da época passada a servir de alento-extra. Plantel totalmente disponível, provavelmente com Miguel Layún a ocupar o lugar de Maxi Pereira, a precisar de descanso antes dos próximos confrontos. Óliver Torres e Jesus Corona são candidatos aos lugares de Héctor Herrera e André André. Como garantiu Nuno E. Santo, no Dragão ninguém pensa, ninguém quer saber da Velha Senhora que aí vem.

TONDELA: derrota dura na passada semana, frente a um oponente direto e a travar um ciclo de duas jornadas a pontuar consecutivamente. Os beirões estão habituados a contextos complicados e estão na luta pela sobrevivência. Uma derrota em casa do FC Porto não abalará, por certo, o trabalho que Pepa está a procurar solidificar. Um empate ou uma vitória seriam bálsamo reconciliador com a tabela classificativa.

AUSENTES:

FC PORTO: João Costa (lesionado).

TONDELA: David Bruno e Pité (emprestados); Wagner e Bruno Monteiro (lesionados).

DISCURSO DIRETO:

NUNO E. SANTO: «Não existe Juventus até ao jogo com o Tondela, só existe preparação para esse jogo, esse foco. Os jogadores não caem no erro de pensar em algo mais do que apenas no Tondela.»

PEPA: «A perfeição não existe, mas temos de a procurar. Temos noção que temos de roçar a perfeição no processo defensivo, temos de ter muito critério na saída de bola, não podemos ter receio de ter bola e de fazermos campo grande quando tivermos essa possibilidade.»

REGISTO HISTÓRICO:

Dado curioso. Três jogos oficiais entre as duas equipas e tudo perfeitamente dividido. Uma vitória para o FC Porto, uma vitória para o Tondela e um empate. Tudo para a I Liga e nas duas últimas temporadas. O único triunfo do Tondela aconteceu precisamente no Dragão.

EQUIPAS PROVÁVEIS:

FC PORTO

Outros Convocados: lista não divulgada

TONDELA

Outros Convocados: Ricardo Janota (GR), Kaká, João Pica, Lystcov, Dylan Flores, Fernando Ferreira, Murilo Freitas, Batista e Amido Baldé.