FIGURA: João Aurélio

Alta rotação no lado direito do Moreirense. A entrega esteve sempre nos limites numa luta titânica com os adversários. Correu quilómetros e foi premiado no último lance do encontro com o golo que decidiu o jogo. Estreia a marcar no Moreirense, voltando a fazer o gosto ao pé quase quatro anos depois do último golo, quando estava no Nacional.

MOMENTO: golo de João Aurélio (90+4m)

No soar do gongo, em cima do apito final já nos descontos. Tudo por tudo dos Cónegos, Jhonatan subiu à área adversária e deu uma ajuda a lutar nas alturas, Pedro Nuno recolhe a bola do pontapé de canto no segundo poste e cruza novamente para o coração da área, onde aparece João Aurélio a evitar a derrota.

OUTROS DESTAQUES

Loum

O médio emprestado pelo Sp. Braga faz de Alfa Semedo no novo Moreirense. As caraterísticas são as mesmas: presença forte no miolo, muita luta e capacidade de progressão com o esférico. Prestação positiva no meio campo dos Cónegos.

Keita

Lutou muito, quase sempre em terrenos mais recuados, tentando ajudar a construir jogo. Na primeira parte falhou num lance em que estava em condições de abrir o ativo, acabando por carimbar os três pontos a um quarto de hora do fim. Segundo golo na presente edição da Liga depois de ter marcado ao FC Porto na última jornada

Pedro Nuno

O cérebro da equipa de Moreira de Cónegos. Responsável pela transição entre o meio campo e o ataque, joga com critério e qualidade. Está ligado aos lances de maior perigo do Moreirense neste encontro. Faz o passe par ao golo.

Diogo Viana

Entrou bem na equipa do Belenenses, dando mais amplitude ao conjunto de Silas. Na primeira jogada quando fez um grande golo ao rematar cruzado, e continuou a criar perigo no último reduto da equipa da casa.