O Sporting explicou esta segunda-feira em detalhe quais as medidas de reforço de segurança que já adotou desde que a atual direção, presidida por Bruno de Carvalho, tomou posse e explicou quais são as novas medidas anunciadas em comunicado, depois do ataque de um grupo de adeptos aos jogadores em plena Academia de Alcochete.

Sporting suspende apoios à Juve Leo

As novas medidas foram divulgadas num comunicado conjunto da direção de operações e segurança do Sporting e da empresa de segurança contratada pelo clube.

Comunicado do Sporting:

Após a entrada em funções da Direcção em 2013 foram tomadas as seguintes medidas de reforço da Segurança da Academia de Alcochete:

a) Reparação e correção do sistema de CCTV [vídeo-vigilância];

b) Aumento do número de câmeras de CCTV;

c) Duplicação da equipa de operações e segurança afeta à Academia;

d) Reforço e melhoramento da iluminação artificial de todo o complexo;

e) Adequação do perímetro do Estádio Aurélio Pereira, inserido no complexo da Academia, aos regulamentos da Liga Portuguesa da Futebol Profissional.

O ataque hediondo, classificado como acto de terrorismo pelas autoridades, ocorrido no passado dia 15 de Maio, veio obrigar a repensar o conceito da Academia, forçando-nos a adoptar as seguintes medidas:

1- Auditoria por entidade independente às condições de segurança da Academia e do Estádio;

2- Alargamento do sistema de CCTV;

3- Reforço da equipa de segurança da Academia com elementos qualificados com formação especializada em defesa pessoal;

4- Operador local permanente de CCTV, em regime 24/7 com redundância no Estádio José Alvalade;

5- Revisão da vedação do perímetro exterior de todo o complexo;

6- Criação de um segundo posto de controlo de viaturas e pessoas;

7- Seccionamento do perímetro de segurança criando um segundo perímetro interno, de modo a isolar a área do futebol profissional das restantes zonas da Academia;

8- Ligação automática ao posto da GNR em caso de emergência;

9- Instalação de pilaretes hidráulicos para limitação de acesso a viaturas;

10- Reforço e permanência da equipa de acompanhamento e proteção pessoal à equipa de futebol profissional.

Com estas medidas adicionais de segurança pretendemos proteger da forma mais eficaz a integridade de todos aqueles que trabalham e frequentam a Academia e o Estádio.