FIGURA: Ricardo Horta

Marcou na Ucrânia no primeiro jogo oficial da época para os minhotos, voltou a fazer o gosto ao pé esta noite. Um bis a arrumar com a questão. Uma vez mais uma unidade fulcral neste Sp. Braga pelo rendimento que empresta à equipa. Não teve uma noite propriamente fulgurante, nem é esse o seu estilo, mas com pés de veludo está sempre disposto a dar o melhor trato ao esférico. Na sequência da algazarra da primeira parte marcou dois golos na segunda metade e arrumou com a questão.

MENÇÕES HONROSAS:

Dyego Sousa

Dois golos e uma assistência. Noite de inspiração com um contributo decisivo para a entrada a vencer do Sp. Braga na Liga. O brasileiro dispôs de várias oportunidades e tentou até de bicicleta; depois de desperdiçar o primeiro lance de finalização mostrou enorme eficácia. Dois golos de pé direito com remates colocados no momento exato.

Rochez

Também bisou, fazendo algo difícil num dos principais palcos do futebol português. Esteve oportuno no ataque, aproveitou as poucas oportunidades de que dispôs, mas ainda assim foi insuficiente. Penálti superiormente cobrado no primeiro golo, sentido de oportunidade no segundo. Esteve sempre muito móvel no ataque insular.

MOMENTO: segundo golo de Ricardo Horta (72m)

Momento de futebol sublime do Sp. Braga. Passe picado de Fransérgio para as costas da defesa a solicitar a entrada de Wilson Eduardo. O atacante jogou de primeira para Ricardo Horta finalizar também ele de primeira. Triangulação perfeita, triunfo carimbado.

OUTROS DESTAQUES

Witi

Velocidade de ponta nos corredores do Nacional da Madeira. Quando imprimiu o seu ritmo foi complicado parar o moçambicano de 21 anos. Um elemento desestabilizador, mesmo quando a equipa passou por fases menos conseguidas. A qualquer momento inventa um lance de perigo.

Fransérgio

Jogou ao lado de Dyego Sousa na frente de ataque montada por Abel Ferreira e foi um elemento fulcral na manobra da equipa. Recuperou várias bolas promissoras e serviu na perfeição o compatriota. Chega-se à frente com facilidade e esta noite mostrou isso.

Alhassan

Um dos reforços do Nacional da Madeira, o jovem nigeriano fez um jogo posicional à frente da defesa e ao mesmo tempo musculado no miolo. Importante a emprestar força ao meio campo da equipa madeirense.