FC PORTO E DESP. AVES ENTRAM EM CAMPO ÀS 18H00. SIGA O JOGO AO MINUTO NO MAISFUTEBOL.

MOMENTO:

FC Porto: os dragões atravessam o pior período da época - apenas uma vitória nos últimos três jogos. Esse ciclo significou a a queda para o segundo lugar, atrás do rival Benfica. Os encarnados já venceram nesta ronda 29, pressionando ainda mais a formação azul e branca. O jogo com os avenses irá ser, face ao momento da equipa e à vantagem provisória das águias no topo, um teste à força psicológica dos homens de Sérgio Conceição. E para a semana há Clássico na Luz, por isso, apenas uma vitória poderá manter o FC Porto com os olhos colados ao topo.

Desp. Aves: dois dos principais adversários diretos, Feirense e Estoril, somaram um ponto esta jornada. A equipa de José Mota vai querer, certamente, distanciar-se dos principais perseguidores ou no mínimo manter distâncias. Para tal, terá de pontuar no Estádio do Dragão, local onde o FC Porto apenas perdeu dois pontos. 

AUSÊNCIAS:

FC Porto: Danilo, Marega e Corona, lesionados.

Desp. Aves: Nélson Lenhom e Vítor Gomes, lesionados.

DISCURSO DIRETO:

Sérgio Conceição: «Estou preocupado é com o José Mota, com o Derley, Amilton, Diego Galo, Paulo Machado, Braga… Foi esse o nosso foco nesta semana. Não estou preocupado com um jogo que vai ser daqui a algumas semanas. Não vi qualquer tipo de ansiedade na equipa. Falámos no balneário de olhos nos olhos e vi um grupo adulto, maduro, que sabe o que não esteve bem e que quer dar uma resposta com o Aves. Temos o foco em ser campeão. Prova desta grande ligação entre adeptos e equipa é que temos já 42 mil bilhetes vendidos. Apelo a todos os adeptos e simpatizantes para estarem o maior número possível. Para que sejamos um amanhã a defrontar o Aves.»

José Mota: «Sabemos perfeitamente que o FC Porto é uma equipa difícil seja em que campo for, o Estádio do Dragão é para eles uma força anímica muito grande, é um estádio tradicionalmente muito difícil, ainda para mais num jogo em que não podem perder.»

HISTÓRICO DE CONFRONTOS:

Duelo recente na história do principal escalão do futebol português. As duas equipas se defrontaram em sete ocasiões, com clara supremacia dos azuis e brancos: seis vitórias e apenas um empate. Curiosamente, a distribuição equitativa de pontos ocorreu no jogo da primeira volta. Os avenses, então orientados por Lito Vidigal, empataram a uma bola diante do FC Porto.

EQUIPAS PROVÁVEIS:

FC Porto: 

Outros convocados: lista não divulgada

Desp. Aves:

Outros convocados: Quim, Jorge Felipe, Baldé, Pedrinho, Paulo Machado, Ryan Gauld, Falcão, Guedes e Arango.