O jogo na Mata Real está agendado para as 16h00 desta sábado e pode acompanhar tudo AOMINUTO no Maisfutebol.

 

MOMENTO:

Paços de Ferreira: A equipa de Vasco Seabra, com a permanência garantida, ocupa a 12ª posição da tabela. Os castores partem para este jogo após duas derrotas consecutivas, a última das quais no Estádio do Dragão (4-1). Nota para o facto do conjunto da Capital do Móvel ter amealhado grande parte dos pontos a atuar na condição de visitado.

Marítimo: Os «verde rubros» deslocam-se a Paços de Ferreira à procura de garantir o sexto lugar da classificação, o último que dá acesso às competições europeias na próxima temporada. Os madeirenses registaram dois empates nas últimas duas rondas e o Rio Ave está a apenas três pontos de distância. Recorde-se que o empate e ou o triunfo garantem automaticamente o sexto lugar. Uma derrota e uma vitória do conjunto de Luís Castro atiram o Marítimo para o sétimo posto.

AUSENTES:

Paços de Ferreira: Barnes Osei (suspenso), Welthon, João Góis, Francisco Afonso, Minhoca e Filipe Ferreira (lesionados)

Marítimo: Fransérgio, Raúl Silva, Edgar Costa (castigados)  Dyego Sousa (suspenso), Maurício, Luís Martins, Gottardi e Ghazaryan (lesionados)

 

DISCURSO DIRETO:

Vasco Seabra: «Queremos terminar bem junto dos nossos adeptos, no nosso estádio, e chegar a essa pontuação [38 pontos]. Temos uma imagem a defender, vamos ser sérios, intensos e dinâmicos e vamos procurar jogar para ganhar. É uma equipa compacta, bem treinada, com um treinador que fez um excelente trabalho.»

Daniel Ramos: «Sabemos que temos dois resultados a nosso favor e, mesmo sabendo que o empate nos dá o que pretendemos, não vamos apenas defender. Vamos fazer o nosso jogo, procurar marcar golos, que podem ser necessários. Se tivermos de jogar para o empate, faremos, mas não vamos apenas e só com a aposta vincada no empate, não é essa a nossa intenção.

Histórico de Confrontos:

37 encontros disputados entre os dois emblemas. Em 18 partidas disputadas no Estádio Capital do Móvel supremacia dos pacenses: uma dezena de vitórias contra apenas duas dos insulares. Pelo meio, registaram-se seis empates. O último triunfo do Marítimo fora da Madeira data de 2005.

EQUIPAS PROVÁVEIS:

P. FERREIRA

Outros convocados: Rafael Defendi, Marco Baixinho, Ricardo, André Leal, Medeiros, Mateus e Cícero.

MARÍTIMO:

Outros convocados: Amir, Cristiano Vasconcelos, Fábio China, Abdul-Basit, Éber Bessa, Seidi, Djoussé