O médio do Boavista, David Simão, sofreu uma rotura do gémeo da perna direita e vai ficar de fora dos relvados entre quatro a sete semanas.

O número 25 dos axadrezados saiu lesionado aos 33 minutos do jogo do último sábado, ante o FC Porto, no Estádio do Dragão.

Também o gambiano Yusupha, que saiu lesionado do dérbi portuense, aos 81 minutos, fica de fora entre sete a dez dias. Está a contas com um pequeno derrame no joelho esquerdo.

A informação foi adiantada à agência Lusa por fonte da SAD do Boavista, clube que abriu uma casa em Timor-Leste, que será presidida por José Ramos-Horta, antigo presidente timorense.