Marco Trungelliti é protagonista da história mais incrível de Roland Garros até ao momento.

O tenista argentino foi eliminado na fase de qualificação do Grand Slam francês e voltou a Barcelona. Após ter chegado à Cidade Condal, a organização do prestigiado torneio informou-o de que teria um lugar no quadro principal se chegasse a tempo à capital francesa.

 

¡Realmente de película! Después de una auténtica odisea, Trungelliti viajó diez horas para meterse en Roland Garros y le ganó 6-4, 5-7, 6-4 y 6-4 al australiano Tomic. Si no hubiera ganado lo hubiéramos aplaudido igual. ¡Eso es garra, Marco! pic.twitter.com/xk6MBB4pW2

— TN - Todo Noticias (@todonoticias) 28 de maio de 2018

Trungelliti fez-se à estrada e percorreu mil quilómetros de carro em nove horas até Paris, onde chegou por volta da meia-noite.  Entrou em court e derrotou Bernard Tomic, antigo número 20 da hierarquia mundial, por 6-4, 5-7, 6-4 e 6-4, rumo à segunda ronda do Major gaulês.

Notável para quem 24h antes nem sonhava jogar no quadro principal de Roland Garros.

 

80 Km para Paris. Trunge is coming y te lo mostramos el Km a km. Suenan los Abuelos de la Nada. pic.twitter.com/0tKyRjY0Sb

— FueBuena (@FueBuena) 27 de maio de 2018