Grande surpresa na qualificação da CONCACAF: os Estados Unidos da América foram eliminados, falhando assim o Mundial da Rússia, e o Panamá conseguiu o primeiro apuramento da história.

Os norte-americanos perderam no terreno da já eliminada Trinidad e Tobago por 2-1 e permitiram a ultrapassagem de Panamá e Honduras, que venceram os já apurados Costa Rica e México, respetivamente.

Os panamianos nunca estiveram numa fase final de um Campeonato do Mundo e juntam-se à Islândia no lote de seleções que se vão estrear em 2018. O golo que deu o apuramento foi marcado aos 89 minutos, por Roman Torres a passe de Tejada. O Panamá entrou a perder com a Costa Rica, graças a um golo de Venegas a passe de Bryan Ruiz, mas conseguiu dar a volta na segunda parte.

Gabriel Torres empatou aos 53 minutos e Roman Torres deu os três pontos e o bilhete para a Rússia aos 89 minutos.

As Honduras bateram o México por 3-2, também com reviravolta nos minutos finais e seguem para um playoff intercontinental com a Austrália. Os mexicanos estiveram a ganhar por duas vezes, com golos de Peralta e Vela, a passes de Jimenez (Benfica) e Herrera (FC Porto), mas um autogolo de Ochoa e um golo de Quioto deram o triunfo aos hondurenhos. Elis tinha marcado na primeira parte entre os golos mexicanos.

Assim, o Panamá junta-se a México e Costa Rica, enquanto as Honduras vão para playoff. Os Estados Unidos falham o primeiro Mundial desde 1986.

CLASSIFICAÇÃO:

1º México, 21 pontos

2º Costa Rica, 16 pontos

3º Panamá, 13 pontos

4º Honduras, 13 pontos

5º EUA, 12 pontos

6º Trinidad e Tobago, 6 pontos

*apuram-se os primeiros três e o quarto classificado realiza um playoff com seleção da Confederação Asiática