O F.C. Porto venceu esta quinta-feira o F.C. Porto B num jogo realizado no Centro de Treinos de Gaia e que serviu sobretudo para Victor Fernandez trabalhar um pouco mais os mecanismos colectivos da equipa, ou pelo menos do que resta da equipa. Entre lesionados e convocados para as selecções, sobravam apenas onze jogadores disponíveis, pelo que o técnico acabou por apresentar a formação possível e que por certo não andará perto da que mais tarde entrará nas competições oficiais. Mesmo assim, a equipa principal conseguiu sair vencedora, graças a dois golos de Maciel, ambos na segunda parte, o segundo dos quais marcado de grande penalidade.
O jogo teve pouca história. Destaca-se a boa exibição de Hugo Leal, claramente a subir de forma, e pormenores interessantes de Bruno Gama, o miúdo contratado este verão ao Sp. Braga, que na segunda parte jogou pela formação principal e que mostrou pinta de jogador. De resto, houve vontade, houve entrega dos jogadores e houve até algumas entradas bem rasgadinhas, mas faltou ritmo e dinâmica. Victor Fernandez parou constantemente a partida para dar instruções aos seus atletas, ora fazendo correcções posicionais, ora mexendo nos movimentos colectivos.
Nota-se que este F.C. Porto ainda não está perto do que o treinador espanhol pretende, pelo que Fernandez não hesita em dar dois gritos com os seus jogadores. Das suas ordens nota-se sobretudo três coisas: antes de mais pretende solidificar a coesão defensiva, insistindo muito nas compensações à subida dos laterais e na cobertura das costas dos centrais; depois pediu velocidade no meio-campo ofensivo, trocas rápidas de bola, sempre ao primeiro, segundo toque, e desmarcações para as linhas laterais; a última grande preocupação prende-se com o aproveitamento das bolas paradas, mandando repetir muitos cantos e pedindo golos. Sem resultados.
F.C. PORTO: Vítor Baía; Ricardo Costa, Pepe, Jorge Costa, Pedro Emanuel e Areias; Bosingwa e Hugo Leal; Carlos Alberto, Maciel e César Peixoto.
Jogou ainda: Bruno Gama
F.C. PORTO B: Rui Sacramento; Pedro Silva, Joel, Sandro e Diogo; Pedro Nuno, Buzsáki, Paulo Machado e Vieirinha; Evanildo e Bruno Gama
Jogaram ainda: Vítor Alves, Jorge, Rodrigo, Márcio Sousa, Tiago Borges, Tiago e Ricardo Costa II.
GOLOS: Maciel, 52m e 67m(g.p.).