«Sinto-me à vontade a jogar. Não escolho onde. Para ajudar Portugal até jogo a ponta de lança», disse o jogador, à chegada a Óbidos. «Estou aqui para ajudar, onde o seleccionador entender», acrescentou.

O jogo com a Suécia será disputado no Estádio do Dragão, um recinto que Pepe bem conhece e onde espera ser acarinhado: «Foi a minha casa durante três anos. Passei lá momentos maravilhosos. Espero ser bem recebido.»

Embora tenha sido substituído no último jogo do Real Madrid, o jogador garante estar em boas condições: «Está tudo bem. Foi opção do treinador. Era para jogar só a primeira parte.»