No seu primeiro jogo, Toni apostou em Dani e Tony no «onze», com Nuno Claro a ficar no banco. João Pedro e Diogo Ramos foram titulares na equipa visitante, e este último conseguiu mesmo inaugurar o marcador, aos 23 minutos. O Cluj empatou dez minutos depois, por intermédio de Alvaro Pereira, e deu a volta ao marcador no início do segundo tempo, com um tento de Sixto Peralta (48m).

Os últimos minutos, contudo, foram de enorme infelicidade para a equipa do antigo treinador do Trofense. A quatro minutos do fim o Cluj beneficiou de uma grande penalidade, mas Koné permitiu a defesa do guarda-redes e desperdiçou a oportunidade para fazer o 3-1. Aproveitou o Gloria Bistrita, que chegou ao empate quando já passavam quatro minutos dos noventa, com um golo feliz de João Pedro, já que a bola ainda desvia num defesa.

O jogo terminou com os ânimos muito quentes, mas com a confusão a ser rapidamente controlada, sem problemas de maior.

No outro jogo, realizado esta sexta-feira, o Farul Constanta empatou no terreno do Steaua de Bucareste, 1-1. A equipa da casa marcou primeiro, através de Stancu, aos 55 minutos. O português Chico, que passou pelo Varzim, garantiu o empate aos 72.

[artigo actualizado]