Carlos Carvalhal defende-se das críticas, depois de o Sporting ter averbado a quarta derrota consecutiva. Na antevisão da visita a Paços de Ferreira, o técnico leonino garante sentir o apoio dos adeptos, e considera injustas as críticas que o apontam como responsável pelo mau momento da equipa.
«Imputar responsabilidades a uma só pessoa é cobarde», começa por dizer o técnico, em conferência de imprensa. «Gostaria de deixar uma palavra às pessoas que me têm incentivado, que me têm encorajado. Aquilo que mais oiço dos adeptos é: Tenha coragem e vá em frente. Estou aqui para servir o Sporting e para construir vitórias», explicou.
Com contrato válido apenas até final da época, o futuro de Carvalhal permanece incerto, mas os últimos resultados reduzem as hipóteses de renovação. O técnico garante, contudo, não estar preocupado: «O ruído exterior sempre foi muito grande. Sempre dissemos que o nosso trabalho não era fácil. Continuamos a pensar jogo a jogo. Não vou dizer que é fácil, mas estamos aqui com coragem de determinação. Estou aqui para servir o Sporting. O futuro não me interessa.»