gunners

Não foi uma tarefa fácil, diga-se. O Hull já tinha vencido no Emirates Stadum, para a Premier League e, durante muito tempo, ameaçou sair de Londres com outra vitória.

Nick Barmby inaugurou o marcador para os visitantes, num remate com alguma sorte e que bateu Almunia aos 13 minutos. A vantagem dos tigers durou até aos 74 minutos, altura em Robin van Persie igualou o encontro, a passe de Arshavin.

A equipa de Arsène Wenger chegaria à vitória dez minutos mais tarde e beneficiando de um erro do trio de arbitragem. Na sequência de uma bola parada, Gallas faz o 2-1 em posição irregular. O auxiliar mandou jogar e o juiz Mike Riley apontou para o centro do terreno. O Hull ainda foi em busca do empate, mas o marcador não se alterou.

No final do encontro, os jogadores visitantes protestaram com o árbitro, mas e nada valia. Arsenal e Chelsea vão mesmo encontrar-se nas meias-finais, em Wembley, onde também decorrerá o encontro Everton e Manchester Utd, que dará acesso à final da Taça de Inglaterra.