Quem sabe, nunca esquece, não é Clarence Seedorf? O holandês agora é treinador, mas continua a impressionar com os seus dotes técnicos de controlo de bola.

Um exemplo aconteceu num jogo do Deportivo da Corunha, quando a bola escapou pela lateral, e o técnico, instintivamente, mostrou como ainda domina a bola com facilidade. Atrás de Seedorf, no banco de suplentes, os jogadores do Deportivo não esconderam a admiração e o treinador até achou graça.