Georgy Kondratiev demitiu-se este mês na sequência dos maus resultados nos três primeiros jogos da fase de qualificação para o Euro2016.

Com 51 anos, Zigmantóvich, que até agora era adjunto de Kondratiev, assume o cargo de selecionador, depois de a seleção bielorrussa ter perdido em casa por duas vezes, frente à Ucrânia (2-0) e Eslováquia (3-1), e ter conseguido apenas um ponto no empate 1-1 diante do Luxemburgo, na fase de qualificação para o Europeu.

O novo selecionador foi 36 vezes internacional pela antiga União Soviética, jogou em Espanha ao serviço do Racing de Santander (1992-1996) e representou o Dinamo Minsk (1981-1991).