«CHUTEIRAS PRETAS» é um espaço de Opinião do jornalista Pedro Jorge da Cunha. Um olhar assumidamente ingénuo sobre o fenómeno do futebol. Às quintas-feiras, de quinze em quinze dias. Pode seguir o autor no Twitter. Calce as «CHUTEIRAS PRETAS».

Sete dias de verão precoce. Mãos no volante, havaianas e toalha de praia, fuga em direção ao sul. Destino: o mais longe possível do manicómio em que a Liga portuguesa se tem vindo a transformar.

Desgostoso, pois claro, triste até. Não me falem em apocalipse arbitral, poupem-me com os recados dos santos inquisidores armados em moços extremosos e pios – sim, a comunicação dos grandes clubes -, libertem-me das cartilhas agrilhoadas a bocas de marionetas.

Fugi. Fugi sete dias, para longe. Não sou diácono nem adivinho, não sou confessor nem avençado clandestino. Não tenho um único centímetro de moralista em mim, mas há um limite para tudo.

Calem-se, comportem-se, dignifiquem o jogo que todos – sim, ainda acredito – amamos.

Sei que não há protocolo de comportamento que resista a quadros de tensão. Também não me acredito na hermenêutica da mania de perseguição. Mas isto está mau, isto está feio, isto tornou-se um ‘Voando sobre um ninho de cucos’ sem o olhar esgazeado de Jack Nicholson.

Ao longe, estendido na areia, afastei-me. Consultei diariamente a app do Maisfutebol e pouco mais. Fui apanhando informações soltas, incrédulo.

Num breve resumo, esta foi a semana de todas as loucuras. Ganhem juízo.

9 de abril, domingo:

. Samaris dá um soco no estômago de Diego Ivo. Não é expulso.

. Diego Ivo diz que Jonas insultou o Moreirense. «Equipa de m….»

. Violência no Candal-Coimbrões. Em infantis.

10 de abril, segunda-feira:

. AF Porto abre processo a Marco Gonçalves (Canelas), agressor de um árbitro.

. Sporting pede processo sumário para Samaris.

11 de abril, terça-feira:

. CD da FPF abre processo a Samaris (sem efeitos suspensivos). Grego agrediu e pode continuar a jogar.

. PSP diz que nos últimos cinco anos prendeu 400 adeptos.

. GNR diz que 2017 já teve mais agressões do que 2016.

12 de abril, quarta-feira:

. Cânticos imbecis no Dragão Caixa evocam a tragédia da Chapecoense. Para provocar adversários.

13 de abril, quinta-feira:

. Rui Vitória defende profissionalismo de… Samaris e Jonas.

. Bruno de Carvalho está suspenso, mas reúne-se com o presidente da Liga.

14 de abril, sexta-feira:

. Sporting pede interdição da Luz. Por alegado apoio a claques ilegais.

15 de abril, sábado:

. Cânticos imbecis no pavilhão da Luz aplaudem o tristemente famoso ‘very light’ de 1996 no Jamor. Para provocar adversários.

. Cânticos imbecis no pavilhão da Luz desrespeitam a memória de Eusébio. Para provocar adversários.

É verdade, as férias passaram a correr.

«CHUTEIRAS PRETAS» é um espaço de Opinião do jornalista Pedro Jorge da Cunha. Um olhar assumidamente ingénuo sobre o fenómeno do futebol. Às quintas-feiras, de quinze em quinze dias. Pode seguir o autor no Twitter. Calce as «CHUTEIRAS PRETAS».