A Federação Portuguesa de Futebol apresentou esta sexta-feira o cântico oficial da Seleção Nacional para o Euro 2016: tem letra e música de Pedro Abrunhosa, que também faz a interpretação, e chama-se «Tudo o que eu te dou, Somos Portugal».

Basicamente a Federação desafiou o músico do Porto a pegar na canção «Tudo o que eu te dou» e a mudar a letra, adaptando-a à aventura que a Seleção Nacional vai viver na fase final do Europeu, que se disputa em França.

Esta tarde foi apresentado o cântico, por Pedro Ribeiro, locutor da Rádio Comercial e comentador do Maisfutebol na TVI24, e com a presença de Pedro Abrunhosa, de Tiago Craveiro (diretor geral da FPF) e de Tomás Froes (diretor de marketing da FPF).

«O que me traz aqui? Traz-me a convicção de que vamos ser campeões da Europa e traz-me a música, o poder de colocar todos os portugueses a cantar o mesmo cântico», começou por dizer Pedro Abrunhosa.

«A música tem este poder, de ir buscar o apoio popular, muito genuíno e afetivo. Esta canção, o «Tudo o que eu te dou», já é das pessoas, já não é minha. Por isso isso fui desafiado a pegar num hino que toda a gente conhece de cor e a reescrever a letra à volta da temática do futebol. Foi isso que eu fiz.»

Tiago Craveiro, por outro lado, referiu que  «há sempre um momento que une os portugueses à volta da seleção com uma música, que é o hino nacional», acrescentando que este outro cântico responde à necessidade de ter uma outra música que «durante os jogos, com os estádio lotados, unisse os portugueses».

Tomás Froes, por fim, destacou que «todos nós somos adeptos de estádio e quando ouvimos as músicas das outras seleções, sentimos que nos falta um cântico». «Faltava uma música que toda a gente conheça, que fosse fácil de cantar e que tivesse uma métrica do futebol. Este cântico tem esse toque: mais do que cantado, é entoado», adiantou.

É esta a canção que a Federação espera que una os portugueses.

Eu já sei

Que mais podemos ser,

Hoje ser rei,

É esse o teu poder.

Somos mais fortes

Coragem, ambição,

Voamos mais alto,

O meu nome é Seleção.

Eu já sei

Que mais te posso dar,

A minha voz

Como um rugido de mar,

Gritos de dor,

Gritos de prazer,

Que um Homem também chora

No momento de vencer.

Foram tantas as noites sem dormir,

Tanta dor, tanta glória, suar e cair

E a cada vitória

Uma certeza no ar

E logo ali eu sei,

Que tudo o que eu te dou,

Tu me dás a mim,

Tudo o que eu sonhei,

Tu farás por mim

Tudo o que nos dás,

Nós damos-te a ti,

Somos Portugal!

Enquanto houver caminho

Passo a passo lá chegamos,

Ninguém joga sozinho

Tu entregas, nós cantamos

Mais, peço-te eu,

Já nos sinto a conquistar

Levanta, Desafia

Há milhões a acreditar,

Todos somos um,

Neste mar que se abriu,

Há vitórias, Descobertas,

E o que a História construiu,

Há vontade de conquista,

Há saudade e coração,

Há jogadas de loucura,

Futebol e Paixão,

Hmm, essa força

Leva-me à Final,

Mata-me de Amor,

Viva Portugal!

Deixa-nos cantar, voar, enlouquecer...

Que tudo o que eu te dou,

Tu me dás a mim,

Tudo o que eu sonhei,

Tu farás por mim

Tudo o que nos dás,

Nós damos-te a ti,

Somos Portugal!

Tudo o que eu te dou,

Tu me dás a mim,

Tudo o que eu sonhei,

Tu farás por mim,

Tudo o que nos dás,

Nós damos-te a ti,

Somos Portugal!

Somos Portugal!

Leva-me à Final